sábado, 3 de março de 2018

Demonstração do Fluxo de Caixa (DFC)

Aprenda interpretar a Demonstração do Fluxo de Caixa (Atividades Operacionais, Atividades de Investimento, Atividades de Financiamento, CAPEX, Fluxo de Caixa Livre). 



Este é o quarto post da serie Analise de Balanço, confira aqui os anteriores (caso não tenha lido):



O que é Demonstração do Fluxo de Caixa?

A Demonstração de Fluxo de Caixa (DFC) é um relatório de contabilidade para mostrar as entradas e saídas de dinheiro no caixa da empresa num determinando periodo e quais foram os seus resultados.


O André  comprou uma roupa por  100 reais e vendeu por 150 reias, ele teve 50 reais de lucro. Então esse lucro de 50 reais vai para a DRE (que valei no post anterior), mas o André pagou os 100 reais a vista quando comprou a roupa, e a pessoa quem ele vendeu a roupa só lhe vai pagar os 150 reais daqui a 2 anos, então o André teve um Caixa Gerado nas Operações de 100 reais de prejuízo, pois saíram 100 reais de bolso dele e para já ainda não entrou nada.


Por aqui vemos que algumas empresas podem ter lucro e quebrar, se o dinheiro sair rápido do caixa e demorar muito a entrar. As empresas de construção civil tem esse problema, elas fazem grandes obras, como pontes, estádios, etc, então o dinheiro sai rápido do caixa, para pagar a funcionários, matérias e fornecedores, etc, e pode demorar muito a entrar dinheiro,  uma vez que o Estado demora a fazer seus pagamentos em muitos casos.

Um exemplo de uma boa geradora de caixa é a Ambev, que recebe os seus pagamentos em prazos curtos de tempo e por ser uma grande empresa consegue estender os seus prazos de pagamentos, ficando com um grande fluxo de caixa, o que traz uma grande solidez financeira.


3 Principais áreas da Demonstração de Fluxo de Caixa (DFC) 

Dica Extra

  • Atividades Operacionais - Aqui é contabilizada toda a empresa e saída de dinheiro no caixa da empresa relacionada com as suas principais atividades. Essas atividades poderão ser relacionadas a bens ou servições.

No nosso exemplo em cima o André vendia um produto então sua atividade operacional era as vendas então toda a entrada e saída de dinheiro do bolso dele das vendas devia ser anotado aqui. Deveria aparecer -100 reais nas atividade operacional.



  • Atividades de Investimentos - Movimentação de  dinheiro no caixa referente a investimentos e também aquisição ou venda de ativos de longo prazo, que não foram incluídos em equivalentes de caixa.



O André decidiu investir em uma abrir uma loja para tentar vender mais, então pagou 10 mil reais a vista na loja, então deverá vir com -10 mil nas atividades de Investimentos.

  • Atividades de Financiamento - Movimentação de dinheiro no caixa referente a Financiamentos e alterações no tamanho ou Patrimônio Liquido na empresa. 

O André paga de juros ao Banco por ano 500 reais, então deverá vir nas atividades de financiamento -500 reais.



  • CAPEX - é a quantidade de dinheiro que sai do caixa gasto na aquisição ou melhoria de bens de capital de uma empresa. Por outras palavras, o CAPEX é o  dinheiro que saiu do caixa para instalações e equipamentos para manter a produção, serviço ou funcionamento do negócios.

O André precisa de gastar todos os anos 100 reias na pintura da loja, para atrair os clientes então o CAPEX do André é -100 reais.


Deixarei a Demonstração do Fluxo de Caixa da TAESA de 2017, para saber como se encontra esses valores na pratica, foi retirado do site da Bovespa.


DFC -TAESA 2017
Demonstração do Fluxo de Caixa - Taesa 2017 (fonte: Bovespa)


DFC da Taesa do ano de 2017
Demonstração do Fluxo de Caixa - Taesa 2017 (fonte: Bovespa)



Fluxo de Caixa Livre

FCL =  FCO  + FCI

Fluxo de Caixa livre é o dinheiro que sobra das Atividades Operacionais com as  Atividade de Investimento.
Exemplo do calculo do FCL da Taesa:

FCL =  1472808 - 323157 = 1143651 (reais mil)




Fluxo de Caixa Livre do CAPEX

FCL CAPEX = FCO + CAPEX 

 Bem parecido com o anterior so aqui a diferença que em vez das Atividades de Investimento usamos o CAPEX. O Fluxo de Caixa Livre do CAPEX é o dinheiro que sobra das Atividades Operacionais com o CAPEX

Exemplo do calculo do FCL CAPEX da Taesa:

FCL CAPEX = 1472808 - 16250 = 1456558 (reais mil)




Pontos importantes a observar no DFC

A empresa deverá ser capaz de gerar muito caixa com as Atividades operacionais, este valor deverá ser positivo e em linha com o seu EBITDA e com o seu Lucro Liquido.

Empresas boas geradores de caixa tem mais capacidade de pagar as suas dividas, principalmente as de curto prazo, isto faz com que geralmente tenham uma boa saúde financeira.

Empresas boas geradoras de caixa tem mais dinheiro tanto para distribuir em dividendos ou para investir nelas mesmo para crescer.

Geralmente as Atividades de Investimento e Atividades de Financiamento são negativas.

Empresas com elevado FCL e FLC CAPEX tendem a ser melhores pagadoras de dividendos, uma vez que não precisam de tanto dinheiro para investir no negocio, por exemplo, a TAESA já vez os seus investimentos principais que são suas linhas de Transmissão, agora só precisa de fazer  a manutenção, não precisa de investir tanto, com isso consegue distribuir mais dividendos.




Pontos a ter cuidado


Empresas que tem varias vezes o seu caixa das Atividades operacionais negativas, poderão ser empresas perigosas uma vez que podem não ter dinheiro para pagar as suas dividas no curto prazo e com isso ter sérios problemas.

Empresas que tem o seu FCL e o FCL CAPEX constantemente negativo poderão ser empresas que dão pouco retorno ao acionista, uma vez que, tem de gastar muito dinheiro para se manter competitivas no seu setor, sobrando pouco dinheiro para remunerar o acionista.




Este foi o ultimo post da serie Analise de Balanço, espero que tenha gostado e ficado mais esclarecidos sobre a Analise de Balanços.



Compartilha com uma amigo que também goste de ações 

Esta serie de post de Analise de Balanço foi útil? Qual o Post que você gostou mais?







Blog Widget by LinkWithin

4 comentários:

  1. Olá DIL,

    Muito bem detalhado o post. Estou determinado a me alfabetizar sobre os elementos que compõem um balanço patrimonial, mas confesso que a falta de tempo está matando meu ímpeto. Seu post será bastante útil. Abraço do DM!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado pelo comentário.

      Abraço e bons investimentos.

      Excluir
  2. Seus posts estao excelentes Dil.

    Estou postando antes de terminar a leitura.

    Se eu seguir com outro blog de educaçao financeira (spoiler aqui em seu blog rs) vou te convidar a escrever alguns posts didaticos, se voce animar, logicamente apontando aqui pro seu blog pra todos conhecerem seu trabalho.

    Bacana mesmo.

    Abraçao

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Claro, será um prazer! Pode contar comigo.

      Obrigado pelo convite.

      Abraços, DIL.

      Excluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...