sábado, 28 de abril de 2018

Como declarar o imposto de renda

Como declarar imposto de renda
Conheça as dicas para preencher seu imposto de renda de forma simples, sem preocupações de cair na malha fina.




Quem deve fazer a declaração do imposto de renda


As pessoas que no ano de 2017 receberam rendimentos tributáveis superiores a 28.559,70 reais precisarão fazer a declaração para o imposto de renda. Se compraram ações, fundos imobiliários ou  realizaram alguma operação na bolsa de valores,  também são obrigadas a declarar (mesmo que nunca tenham vendido ações ou fundos imobiliários, independentemente da renda). Para saber outros casos leia esta noticia site g1.globo.






Qual para quem não declara ou o faz fora do prazo

 

A multa de quem não declarar ou entregar mais tarde é no mínimo 165,74 reias e no máximo de 20% do imposto devido.



Como fazer a declaração de imposto de renda



Como declarar Imposto de Renda

 

Para declarar o imposto de renda é necessário seguir alguns passos, são eles:



1ºPasso: Baixar o Programa IRPF

 

Caso ainda não tenha, pode baixar no site da Receita Federal (clicando aqui), depois escolher a sua plataforma, as mais comuns são: Windows  ou Mac, depois clicar  no Programa IRPF 2018.



2ºPasso: Colocar os seus dados pessoais

 

Aqui você só insere os seus dados pessoais como CPF, CEP, endereço, email, telefone...




3ºPasso: Colocar os dependentes caso existam

 

O limite de dedução anual de dependentes é de 2.275,09 reais, por isso, é muito importante colocar os dependentes, caso existem. Podem ser considerados dependentes o cônjuge ou companheiro,   filhos ou enteados, para saber mais detalhes leia a notícia da Exame ou visite o site da Receita Federal.





4ºPasso: Declarar o Salário

 

Deverá declarar na aba de rendimentos tributáveis de pessoa jurídica,  onde terá de colocar os dados do  CPF/CNPJ da fonte pagadora, nome da fonte pagadora, rendimentos recebidos, contribuição de previdência oficial,  imposto retido da fonte, 13º salário, IRPF sobre o 13º salário.

Declaração no salario no imposto de renda



5ºPasso: Declarar os Bens e Direitos

 

Aqui você deve colocar todos os seus bens e direitos. Dentre estes são mais comuns: imóveis, carros, dinheiro nas contas correntes dos diversos tipos, ações, fundos imobiliários, renda fixa em suas diferentes modalidades (Tesouro, CDB, LCI, LCA, LC, CRI, CRA, Debêntures).


Aqui funciona sempre dá mesma maneira. Você coloca código certo, depois coloca o CNPJ da fonte pagadora e na descrição detalha todos os dados necessários para identificação. 




6ºPasso: Declarando Renda Fixa


Aqui você vai na aba bens e direitos e coloca o código correspondente a sua renda fixa, o CNPJ da intuição financeira, depois você escreve na descrição qual a é a instituição e escreve que tipo de renda fixa que você possui.





7ªPasso: Renda Fixa Isenta  ou Não Tributável e Renda Fixa Sujeita a Tributação Exclusiva

 

São  rendas fixas isentas de tributação: Poupança, LCI, LCA, CRI, CRA, Debêntures incentivadas estas devem ser declaradas na aba de rendimentos isentos e não tributáveis. 

São rendas fixas sujeitas a tributação exclusiva: Tesouro (Selic, Prefixado, IPCA), CDB, LC, COE, Debêntures, estas devem ser declaradas na aba de Rendimentos Sujeitos a Tributação Exclusiva/Definitiva.

Como declaração Imposto de renda nos Fundos imobiliarios




8ºPasso: Declarando Fundos Imobiliários

 

Aqui você vai clicar em bens e direitos, colocar o código 73 - Fundo de Investimento Imobiliário, Localização 105 - Brasil e na Descrição quantidade de cotas, Nome do Fundo, CNPJ  do Fundo, valor total da posição, preço médio e a sua corretora de valores. Depois basta informar como era a situação em 31/12/2016 e em 31/12/2017.



9ªPasso: Declarando os rendimentos dos alugueis dos FIIs

 

Os alugueis dos Fundos imobiliários são isentos de imposto de renda, por isso, devem ser declarados na aba Rendimentos Isentos e Não Tributáveis, no tipo de rendimento colocar   o numero 29-Outros, colocar CNPJ da fonte pagadora, Nome da fonte pagadora, inserir o valor conforme os rendimentos recebidos. Esta informação  consta no extrato da corretora (informe de rendimentos).


Como declarar  imposto de renda nas ações



10ºPasso: Declarando Ações

 

As ações devem ser declaradas na parte dos bens e direitos com o código 31 - Ações, Localização 105, na descrição inserir a quantidade de ações, nome da empresa, código da empresa na bolsa, CNPJ da empresa, valor da posição, preço médio, nome da corretora. Depois basta informar como era a situação em 31/12/2016 e em 31/12/2017.


Como declarar o imposto de renda nos dividendos



11ºPasso: Declarando Dividendos das ações

 

Os dividendos são isentos de imposto de renda, por isso, devem ser declarados na aba Rendimentos Isentos e não Tributáveis, tipo de rendimento é o numero 09 - lucros e dividendos recebidos, CNPJ da fonte pagadora, nome da fonte pagadora e o valor recebido. Estas informações também estão no informe de rendimentos disponibilizada pela corretora.




12ºPasso: Declarando os Juros sobre Capital Próprio das Ações

 

Os juros sobre capital próprio (JSCP) tem imposto 15% retido na fonte, por isso, devem ser declarados na aba Rendimentos Sujeitos à Tributação Exclusiva/Definitiva,   o tipo de rendimento é o numero  10-Juros sobre capital próprio, CNPJ da fonte pagadora, nome da fonte pagadora e o valor. Quais informações também encontram-se disponibilizadas no informe de rendimentos.




Como visto a publicação ficou muito extensa. Ainda assim, não foi possível abordar todos aspectos. Esta postagem para você que ainda não declarou mas deseja saber como declarar o por conta própria o seu imposto de renda. Como vocês viram acima, não é difícil. No entanto, é preciso ter bastante atenção aos detalhes, para evitar cair na malhar fina.

Se você é investidor e precisa de informações mais detalhadas sobre como  declarar o tesouro direto, títulos públicos privados, fundos imobiliários, ações e criptomoedas, pode ser interessante checar o passo a passo em vídeo completo. O curso é muito bom e muito acessível. Aprendendo a declarar corretamente por sua conta, além de evitar cair na manha fina, você deixará de arcar com a despesa da declaração nos anos a seguir.




Blog Widget by LinkWithin

10 comentários:

  1. Respostas
    1. Obrigado pelo comentário.

      Fico feliz que tenha gostado.

      Abraço e bons investimentos.

      Excluir
  2. Tinha ainda alguma dúvida, me es kateceu

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado pelo comentário.

      Fico contente que tenha sido útil.

      Abraço.

      Excluir
  3. Esclarecedor e importante. Vamos,compartilhar

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado pelo comentário.

      Que bom que você gostou, fico contente em poder ajudar.

      Abraço.

      Excluir
  4. Sempre com posts bem estruturados e esclarecedores, vou divulgar também.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado pelo comentário.

      Fico contente tenha gostado, valeu pela força e por compartilhar!

      Abraço.

      Excluir
  5. O pais tá em aceleração de novo né?
    Juros baixos economicamente é bom ou ruim para o país?

    Acha que em breve as taxas vão disparar de novo, ou vamos respirar por uns 3 anos mais ou menos.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Obrigado pelo comentário.

      Os juros mais baixos são bons para economia, pois permitem que as empresas paguem menos pelas suas dividas e crescerem mais, o próprio consumo das pessoas aumenta, o que também aumenta o lucro das empresas.

      A minha opinião é que é bom estar moderadamente otimista, acredito que a taxa juros não vai ser tão alta como foi ultima década, no entanto no médio prazo imagino que vai subir um pouco.

      Uma maneira de estar protegido é ter uma posição em renda variável e outra em renda fixa com liquidez diaria. Assim se a taxa de juros se mantiver você ganha dinheiro com as ações e fundos imobiliários. Se houver alguma crise voce tem oportunidade de comprar excelentes ações e fundos imobiliários a baixos preços (lembrando esta só minha opinião, não é recomendação).

      Abraço e bons investimentos.

      Excluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...