segunda-feira, 21 de maio de 2018

FGC (Fundo Garantidor de Créditos): Tudo o que precisa saber!

Saiba todas as informações necessárias de sobre o FGC: Quais são os investimentos protegidos;  qual é a quantia máxima protegida: quanto tempo demora a pagar; como funciona para receber o dinheiro; quanto dinheiro o FGC tem de patrimônio.



O Fundo Garantidor de Créditos (FGC), uma associação civil, sem fins lucrativos, com personalidade jurídica de direito privado. Muito mais do que “pagador de dívidas”, que só surge em cena em momentos dramáticos, o FGC conta com profissionais preparados para agir de maneira preventiva em todo o sistema bancário e financeiro, atuando de maneira pontual e, muitas vezes, silenciosa para garantir um funcionamento fluido e harmônico de todo o sistema. (fonte: retirado do site do FGC)


O total de créditos de cada pessoa contra a mesma instituição associada, ou contra todas as instituições associadas do mesmo conglomerado financeiro, será garantido até o valor de R$ 250.000,00 (duzentos e cinquenta mil reais), limitado ao saldo existente. (fonte: retirado do site do FGC).

[...]Será pago o valor do principal acrescido dos rendimentos até a data da decretação do Regime Especial, desde que sejam inferior ou igual ao limite (fonte: retirado do site do FCG)




[..]Regulamento do Fundo Garantidor de Créditos (FGC), que estabelece teto de R$ 1 milhão, a cada período de 4 anos, para garantias pagas para cada CPF ou CNPJ. (fonte: retirado do site do FGC).

Vou deixar aqui um artigo do site InfoMoney com 4 razões para não se preocupar com a nova regra do FGC.

[...]Será pago o valor do principal acrescido dos rendimentos até a data da decretação do Regime Especial, desde que sejam inferior ou igual ao limite. (fonte: retirado do site do FGC)

O Fundo Garantidor de Créditos protege os seguintes investimentos:

  • Depósito a vista ou sacáveis mediante aviso prévio
  • Depósitos de poupança
  • Letras de câmbio (LC)
  • Letras imobiliárias (LI)
  • Letras hipotecarias (LH)
  • Letras de crédito imobiliário (LCI)
  • Letras de crédito do agronegócio (LCA)
  • Depósitos a prazo, com ou sem emissão de certificado RDB (Recibo de Depósito Bancário) e CDB (Certificado de Depósito Bancário)
  • Depósitos mantidos em contas não movimentáveis por cheques destinadas ao registro e controle do fluxo de recursos referentes à prestação de serviços de pagamento de salários, vencimentos, aposentadorias, pensões e similares
  • Operações compromissadas que têm como objeto títulos emitidos após 8 de março de 2012 por empresa ligada.


 Outra informação importante é saber quantos bancos precisaram da ajuda do FGC até ao momento é quanto tempo demorou a receber o dinheiro.

Desde 1996 até  fevereiro de 2018 houve  33 Instituições financeiras, junto às quais, o FGC teve de atuar.

Excetuando o caso de 1996 do Banco Finc. Internacional (BFI) que demorou 3 anos e 8 meses e 3 dias, cuja pendência extrajudicial não permitiu o pagamento de imediato, todos os outros casos o FGC pagou em menos de 6 meses e 12 dias, para mais informações consulte a tabela do do FGC. (Fonte: tabela do FGC). Sendo o prazo médio de pagamento é de aproximadamente 3 meses.




Aqui tem link,  de um passo a passo para saber como funciona o pagamento da garantia.

Deixo uma postagem do site bons investimentos onde conta uma experiência pratica com o FGC: Falência do Banco BVA.

Em relação ao seu Patrimônio no relatório anual de 2017 (que aconselho a leitura) o FGC tem um patrimônio de 66,4 bilhões de reias, 27,1 bilhões em disponibilidades e 45,9 bilhões em disponibilidades mais títulos públicos federais. (fonte: relatório anual 2017 FGC, pagina 2).




É bom tomar cinco cuidados quando se aplica em investimentos protegidos pelo FGC

  •  Ter uma conta apenas em seu nome para assim conseguir a garantia do FGC de 250 mil reais sem ter de dividir com outro titular da conta.

  • A segunda é investir até 250 mil já contando os juros que irá receber, pois,  FGC protege até um valor de 250 mil reais. Você terá de fazer as contas através de um simular para ver quanto irá receber no investimento contando já os futuros juros.

Poderá usar o site Yubb e escolher uma investimento com a rentabilidade parecida para saber quanto dinheiro vai receber no futuro. É sempre bom deixar uma margem de segurança, no caso dos pós-fixados. Já no caso dos prefixados, você já sabe quanto dinheiro irá receber exatamente.

  • Ter no máximo 1 milhão de reais investidos no somatório de todos os investimentos protegidos pelo FGC mais os juros que você irá receber por todas as aplicações.


Existe a perda do  custo de oportunidade o FGC paga o valor investido mais os rendimentos até a data de intervenção até o limite de 250 mil reais.


Dependendo da rentabilidade do investimento, você pode perder de custo de oportunidade mais de 0,5% por mês.

  • Ter uma reversa de emergência no Tesouro Selic, Fundo DI ou num outro CDB mais seguro e com liquidez diária. Caso surja algum problema com o investimento, você pode esperar tranquilo para receber o dinheiro do FGC.





Este foi um resumo das principais informações sobre o FGC, para os investimentos o conhecimento é o melhor aliado!



Ficou alguma duvida, deixa em baixo nos comentários.

Compartilha esta postagem no WhatsApp e Facebook. Faça com que  mais gente conhecer a educação financeira.


Blog Widget by LinkWithin

6 comentários:

  1. Bacana.
    Conhecimento é sempre bom. Mas nesse caso, é como seguro de carro: a gente conhece mas não quer usar né.
    No aguardo das postagens sobre aposentadoria em Portugal.
    Abraço e vida longa ao blog.

    ResponderExcluir
  2. Parabéns DIL pelo post. Muito completo.

    Abraços.

    ResponderExcluir
  3. Filipe Pedra, obrigado pelo comentário.

    Concordo com você. A gente não quer usar o seguro do carro, mas se for preciso, ele está lá para nós socorrer.

    As próximas postagens serão sobre a aposentadoria em Portugal.

    Abraço e bons investimentos.

    ResponderExcluir
  4. Cowboy Investidor, obrigado pelo comentário.

    Fico feliz que tenha gostado do post.

    Abraço e bons investimentos.

    ResponderExcluir
  5. Olá DIL! Sempre com postagens pertinentes e bem detalhadas, muito bacana!

    Aguardo a postagem a respeito de Portugal, agora que descobri que você entende daquelas terras.

    Abraço do DM!

    ResponderExcluir
  6. Dono da Mascada, obrigado pelo comentário.

    Fico contente que tenha gostado da postagem!

    Em breve sairá uma postagem sobre Portugal.

    Abraço e bons investimentos.

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...