sábado, 12 de maio de 2018

Investimento em bancos pequenos e médios: Cuidados a ter

Investimentos em renda fixa em bancos pequenos e médios podem ter uma rentabilidade boa, porém existem alguns cuidados a ter para evitar problemas. Conheça quais são os cuidados a se ter na hora de investir nesses bancos.


Razões para investir num banco pequeno/médio

 

 Os grandes bancos brasileiros são naturalmente mais seguros do que os bancos pequenos e médios. Estes, pelo seu tamanho e por serem bastante conhecidos no Brasil, têm bastante facilidade em conseguir que as pessoas depositem e invistam dinheiro nos seus produtos bancários. Por esta razão, podem oferecer taxas menores aos seus clientes. 

Os investimento dos grandes bancos, descontando o imposto de renda no caso do CDB (LCI já em isenta de Imposto de renda) e a inflação, têm uma rentabilidade muito baixa, sendo apenas uma forma de guardar dinheiro e não uma forma de enriquecer no longo prazo.
Uma boa forma de aumentar a sua rentabilidade em renda fixa é escolher  CDBs ou LCIs de bancos pequenos ou médios. Como estes bancos não tem capacidade de captar recursos como os grandes bancos, têm de oferecer taxas mais atrativas aos seus clientes, pelos seus investimentos.
Porém, estes bancos, por serem menores, apresentam mais riscos que os grandes bancos. Existem três cuidados que ajudam bastante a reduzir o risco no caso de escolher investimentos destes bancos. São eles:



 

 

Ter apresentado lucro nos últimos anos 

 

O objetivo final das empresas é apresentar lucro, afinal foi para isso que elas foram criadas. Por isso um critério simples e eficaz para reduzir o risco do investimento é a verificação da lucratividade do banco nos últimos quatro anos. Este lucro deverá ser consistente e, se possível, crescente. Isso é fácil de verificar utilizando-se o site Banco Data.



Ter um índice de Basileia  maior ou igual que 14%

 

Em síntese, o Índice de Basileia determina a relação entre o capital próprio da instituição e o capital de terceiros (captações) que será exposto a risco por meio da carteira de crédito. Por exemplo, se um banco possui Índice de Basileia de 20%, significa que, para cada R$ 100,00 emprestados, o banco possui patrimônio de R$ 20. (fonte: retirado do site Banco Data). 

Quando mais alto for o índice de Basileia, mais seguro será a instituição financeira. Apesar de o valor exigido pelo  Banco Central ser de 11%, é significativamente, mais seguro, se a instituição financeira tiver um índice de Basileia maior ou igual a 14%. Também é fácil de verificar utilizando-se o site Banco Data.


Investir menos de 250mil reais 

(valor investido mais os rendimentos)

 


O Fundo Garantidor de Créditos (FGC) protege investimentos como a poupança, depósitos a vista, CDB, RDB, LC, LI, LH, LCI, LCA até 250 mil reais por CPF ou CNPJ, por instituição financeira. Também estabelece um teto de um milhão de reais, a cada quatro anos. 

Uma maneira simples de se protege é ter menos de 250 mil reais investidos (já contando com os juros que você irá receber pela aplicação) com um único CPF ou CNPJ. Além disso, ter no máximo um milhão de reais investidos (já contando com os juros que irá receber pelas suas aplicações) no total, nas varias instituições financeiras. Caso todas quebrem, você estará protegido pelo FGC e, receberá todo o seu dinheiro.





Na próxima  postagem entrarei em detalhes sobre o FGC.



Você investe em bancos pequenos/médios? Alguma vez teve que usar a garantia do FGC? 

Deixa o seu comentário, quero saber sua opinião.  Compartilha nas suas redes sociais!

Blog Widget by LinkWithin

14 comentários:

  1. Sigo a política de não investira nada em bancos pequenos, acredito que não compensa o risco. Por mais que o FGC garanta até 250k, a dor de cabeça e os cabelos brancos ninguém garante, hahahaha.
    Abraço, mais um bom post!! coloquei no blogroll.

    ResponderExcluir
  2. Seco, Obrigado pelo comentário!

    Valeu por ter me adicionado. Espero que as minhas postagens sejam úteis.

    Em relação ao investimento, acredito que cada pessoa deve buscar o melhor investimento que se adequa ao seu perfil.

    Pretendo escrever sobre o FGC no próximo post.

    Abraço e bons investimentos.

    ResponderExcluir
  3. Sinceramente, não vale a pena.

    Melhor ir de bancão.

    Abraço

    ResponderExcluir
  4. O bom é não investir nesses bancos.

    ResponderExcluir
  5. Viver de construção, obrigado pelo comentário.

    Acredito que cada investidor deve avaliar a relação risco/retorno e investir de acordo com o seu perfil.

    Abraço e bons investimentos.

    ResponderExcluir
  6. Beto Fiscal, obrigado pelo comentário.

    Acredito que cada investidor deve buscar o investimento mais adequado ao seu perfil.

    Abraço e bons investimentos.

    ResponderExcluir
  7. Fala DIL, viu o NEON? fiz até um post sobre, ele, ainda bem que a maioria do pessoal s[o tinha o NEON pelo cartão de crédito, mas é um risco grande banco pequeno !

    ResponderExcluir
  8. Stifler, obrigado pelo comentário.

    Concordo, tem de se avaliar muito bem cada Banco, tem uns bancos mais arriscados do que outros, nestes casos o conhecimento é o melhor aliado.

    Abraço e bons investimentos.

    ResponderExcluir
  9. Olá DIL,

    Parabéns pelo post.
    Eu nunca investir em banco pequeno. No meu ponto de vista, é melhor investir no TD que é mais "seguro" ou num banco grande.

    Abraços.

    ResponderExcluir
  10. Cowboy Investidor, obrigado pelo comentário.

    Sem duvida,o tesouro e os grandes bancos são mais seguros.

    Nesta postagem, para quem quer buscar mais alguma rentabilidade com bancos pequenos/médios, eu trouxe uma maneira de reduzir o risco.

    Abraço e bons investimentos.

    ResponderExcluir
  11. Amigo, me tira uma dúvida sobre fundos, se não for pedir muito.
    Se eu comprar um Fundo, eu faço só o aporte inicial, como em um CDB, ou eu preciso (por necessidade e não opção) fazer aportes mensais nesse fundo?

    Por exemplo, na minha corretora oferece alguns fundos que eu gostaria de investir, mas quando eu vou dar o lance, aparece lá "movimentação mínima" 1000 e "saldo de permanecia no fundo" 5000
    Será que esses valores deverão ser meus aportes mensais NESSE fundo?

    Meus aportes são de menos de 1000 reais. Acho que pra mim não vale a pena investir nesses fundos né?
    Obrigado.

    ResponderExcluir
  12. Obrigado pelo comentário.

    Vou esclarecer o que é cada um deles.

    Aplicação inicial - é o valor mínimo que você precisa para investir naquele fundo de investimento.

    Por exemplo, se tiver um fundo de investimento com 5000 reias de aplicação inicial, você poderá investir 5000 reias ou qualquer valor superior naquele fundo para começar aplicar.

    Movimentação mínima - é quanto você pode aportar ou resgatar no mínimo, depois já ter feito aplicação inicial (se você quiser, pode nunca mexer).

    Não é obrigado a fazer fazer aportes mensais (se não quiser).

    Por exemplo movimentação mínima 1000 reais, você aportar ou resgatar valores superiores a 1000 reais (se você quiser, pode nunca mexer).

    Saldo de permanência - é quanto o investidor tem de ter no mínimo para continuar no fundo.

    Por exemplo, o saldo de permanência é de 5000 reias, você tem investido no fundo 6000 reais no fundo de investimento e quer resgatar 2000 reias, não pode, porque o seu saldo de permanência ficaria de 4000 reais e o mínimo é 5000 reias. Então neste caso, ele pode resgatar 1000 reais para ficar com o mínimo de 5000 reais, ou então resgata tudo.

    Se quer investir nesses fundos de investimento a primeira coisa é ter o dinheiro da aplicação inicial.

    Depois se a movimentação mínima é de 1000 reais, pode juntar uns 2 ou 3 meses na poupança ou no tesouro Selic e depois aportar no fundo de
    investimento, se você quiser, não é obrigado a aportar.

    Por exemplo, se consegue poupar 250 reais por mês pode juntar esse dinheiro durante 4 meses na poupança ou tesouro Selic, até formar os 1000 reais e depois aportar no fundo de investimento.

    Tem um vídeo do André Bona muito bom sobre o assunto, falando o que é aplicação mínima, movimentação mínima, saldo mínimo, vou deixar o link embaixo.

    https://www.youtube.com/watch?v=7cAU4UIQjnU


    Espero ter conseguido responder as suas duvidas.

    Abraço e bons investimentos.

    ResponderExcluir
  13. Olá!
    Comecei a investir em 2017 e de lá para cá apostei em um CDB do Banco Maxima com rentabilidade de 124% do CDI; agora é aguardar e ver no que vai dar. Mas não estou muito preocupado pois foram R$ 1000,00, não que não seja muito dinheiro, mas serviu (e serve) de aprendizado.

    Sobre este serviço Banco Data, conheci através do Clube dos Poupadores e achei magnífico!

    Recentemente resolvi criar um blog onde escrevo sobre minhas finanças levando em consideração por eu ser pai! :)

    http://papaidosinvestimentos.wordpress.com

    Abs.

    ResponderExcluir
  14. Obrigado pelo comentário.

    Legal ter criado um blog de finanças!

    O Banco data é um site excelente onde podemos tirar informações sobre a situação dos Bancos, ajuda muito.

    Você investiu 1000 reais em um CDB, então estará sempre protegido pelo FGC, no próximo post vou falar em detalhes sobre o FGC.

    Abraço e bons investimentos.

    ResponderExcluir

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...