Como Montar uma Carteira de Ações Diversificada: Igual a um "Time de Futebol" - Dinheiro, Investimento e Lazer

Organize seu Dinheiro, Aprenda a fazer Investimentos Inteligentes e tenha o Lazer dos seus Sonhos

sexta-feira, 22 de maio de 2020

Como Montar uma Carteira de Ações Diversificada: Igual a um "Time de Futebol"

Como Montar Carteira de Ações "Time de Futebol"


Descubra como montar uma carteira de ações diversificada. Através da analogia de um "time de futebol".



Antes de montar uma carteira de ações é bom que já tenha uma reserva de emergência de 3 a 12 meses o seu custo de vida mensal, em renda fixa com liquidez diária (Tesouro Selic, Fundo DI ou CDB). 


Quantas ações ter na carteira de investimento?

Ainda não há um consenso em relação ao número ideal  de ações para uma carteira de investimento. 

No entanto, a partir de 20 ações de vários sectores, não há muita vantagem em adicionar mais ações. 

Já que a partir da vigésima ação você já quase elimina risco não sistemático (aquele que é possível reduzir pela diversificação). 

Ficando apenas com o risco sistemático (é o risco de mercado este não é possível eliminar mesmo que você compre todas as ações da bolsa brasileira).  

A carteira de ações na minha opinião deve ter entre 8 a 20 ações. Quem gosta mais concentradas pode ter de 8 a 12 ações quem gosta mais de diversificação pode ter de 15 a 20 ações. 




Como montar uma carteira de ações igual a um "time de futebol"


Para melhor entender como montar uma carteira de ações diversificada vou fazer uma analogia com um time de futebol, com Goleiro, Defesa, Meio Campo, Ataque e Banco de Reservas. 




"Time de Ações "

Vamos agora a carteira de ações parecida com um time de futebol.


Goleiro

O goleiro são aquelas empresas que são anti-frágeis, ou seja, que se beneficiam as crises e do dólar alto. 

Quando a bolsa vai bem e dólar cai elas não vão tão bem, mas quando a bolsa vai mal nas crises e o dólar sobre elas vão muito bem.

Estamos a falar das empresas exportadoras, com grande parte da sua receita em dólar. 


Defesas

São empresas defensivas, em sectores não-cíclicos e perenes, que pagam bons dividendos. Como o sector de Energia Eléctrica, Saneamento, Telefonia. 

 O beta (volatilidade da ação comparada com a da bolsa) destas ações é menor que 1. 


Meio Campo

Estas são empresas que vão razoável tanto com a bolsa em alta como nas crises, tem um misto entre crescimento e dividendos o seu Payout (percentagem do lucro distribuído na forma de dividendos),costuma ser a volta de 50%, ou seja metade do lucro é em dividendos e metade do lucro é para crescer.

O "meio campo" também é formado por empresas de sectores não-cíclicos. 

O beta destas ações é de aproximadamente 1. 

Ataque

O ataque são empresas cíclicas que vão mal quando o mercado interno está em crise e vão muito bem quando o mercado interno está em alta. 

Um bom exemplo de empresas de ataque são as ações de varejo que caiem muito na crise, mas também tem grandes subidas nas altas da bolsa. 

O beta destas ações é bem maior do que 1. 




Banco de Reservas

Para o banco de reservas para ser mais eficiente, é bom ter uma reserva de oportunidade, que é dinheiro guardado em renda fixa com liquidez diária para comprar excelentes ações quando estas estão baratas em relação ao seu valor intrínseco. 

O banco de reservas são excelentes ações que ainda não estão na carteira por estarem num preço caro, que quando baixarem de preço e possível com a reserva de oportunidade adicionar essas ações na carteira. 

Se você vir que uma ação no banco de reservas tem maior potencial de ganho, ou seja, com uma maior diferença em relação ao seu valor intrínseco, em relação a outra que você tem na carteira, pode trocar uma ação por outra. 

No entanto, isto deve ser feito apenas por investidores mais experientes, uma vez que você pode acabar trocando uma com mais potencial de ganho por outra com menos potencial e acabar perdendo rentabilidade e dinheiro. 

A outra forma que você deve usar o banco de suplente é quando uma ação da carteira perde fundamentos, deve ser trocada por a melhor ação do banco de suplentes.

Igual a um time de futebol quando um jogador do time deixou de ser bom deve ser trocado por o melhor jogador do banco de reservas. 


Quando jogar mais ao ataque e quando jogar mais a defesa


Quando a bolsa e começa a ficar cara, com as empresas negociando a múltiplos altos, quando vamos com muitos anos de alta, é bom começar a defender, uma vez que já ganhou muito dinheiro é ora de defender. 

Como um time de futebol que está ganhando de 4 a zero, bom tirar os avançados e colocar defesas para segurar o resultado. 

Quando a bolsa já subiu muito, vai em muitos anos de alta, é bom aumentar o dinheiro para o seu banco de reservas (aumentar o dinheiro para sua reservas de oportunidades), vender uma parcela das empresas que subiram muito como varejo (não precisa de vender a empresa inteira pode vender um percentual) e colocar um percentual maior de defesas (de empresas defensivas, como eléctricas, saneamento, telefonia, que caem menos). 

Quando a bolsa já caiu muito depois de uma crise e está barata é a hora de ir aumentando a posição em ações de ataque com beta maior que 1.

Como um time de futebol que está perdendo de 3 a zero, ele tem de tirar defesas e colocar avançados. 

Depois que a bolsa já caiu muito, você pode gradualmente começar a usar a reserva de oportunidade, para começar aumentar as posições em empresas cíclicas que caso o Brasil melhore elas vão subir muito, já que caíram muito na crise e estão muito baratas. 

Tem de escolher empresas que não quebrem, não adianta nada escolher uma empresa barata que quebre.

Nas crises, existem empresas cíclicas que ficam extremamente baratas, é bom aumentar a sua alocação em empresas cíclicas que não quebre, estas empresas vão ter maior rentabilidade em todo o cíclico de alta já que tem beta bem maior que 1, são mais voláteis. 


Conclusão

Uma carteira diversificada de ações pode se assemelhar a um time de futebol, com goleiro (exportadores), defesa (empresas defensivas, setores energia eléctrica, saneamento), meio campo (empresas com beta próximo de 1, empresas não cíclicas), ataque (empresas cíclicas como beta bem maior que 1 como varejo, por exemplo). 

Para o banco de reservas é bom ter reserva de oportunidades. O banco de reserva é um lista de excelentes empresas que estão a espera de ir para a carteira. 

Quando a bolsa já subiu muito e está cara, deve-se aumentar o dinheiro em reserva de oportunidades, e aumentar as ações defensivas. 

Quando a bolsa já caiu muito e está barata, nas crises, deve-se usar o dinheiro de reserva de oportunidade para comprar ações de ataque que não quebrem, deve-se comprar ações de sectores cíclicos com beta maior 1, que vão ter uma maior rentabilidade no cíclo de alta (é muito importante escolher empresas que não quebrem). 



Nota: Este blog é um lugar onde eu partilho a minha opinião e minha visão do mercado financeiro, os exemplos que aqui expostos são apenas didáticos e ilustrativos, este blog não recomenda ninguém a comprar/vender/manter Ações, Fundos Imobiliários, ou qualquer outro produto financeiro, a decisão e a responsabilidade do investimento é sua, deverá estudar e aprender máximo de educação financeira e investimentos para fazer boas escolhas.



 

Compartilha no WhatsApp ou Facebook, mostre o blog para um amigo!


4 comentários:

  1. Se me permite a pergunta, o que acha de carteiras com investimentos 100% em ETFs?

    Abraços,

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Via Sem Fim, obrigado pelo comentário.

      Acho muito boa opção para longo prazo, os ETFs são uma excelente forma de enriquecer no longo prazo.

      Para investir em ETfs é só escolher um (ou mais) bons ETf e aportar todos os meses (manter os aportes nas crises é fundamental).

      Os ETFs que eu gosto mais aqui é o IVVB11 (replica o S&P500 em reais), se pensar na bolsa brasileira gosto do SMAL11 (ele é bem diversificado com as pequenas e médias empresas do Brasil).

      O BOVA11 eu não gosto muito, tem mais ou menos um terço de commodities, um terço em bancos e um terço em outras empresas, que faz o BOVA11 muito cíclico.



      Para ter uma carteira com 100% em ETFs, deve ter também uma reserva de emergência montada em renda fixa com liquidez diária (CDB, Tesouro Selic ou Fundo DI), afinal imprevistos podem acontecer.

      Também existem muitos bons ETFs nos Estados Unidos.

      Lembrando que não é recomendação, é apenas a minha opinião.

      Abraço e bons investimentos.

      Excluir
  2. Excelente, gostei da analogia! Uma forma simples e clara de explicar a dinâmica nos investimentos, geralmente vou no estratégia 4-4-2 :)
    Faltou apenas enfatizar o cuidado em evitar o giro na carteira, não me parece esta a sua idéia, mas fica uma brecha pra um iniciante interpretar desta forma!
    Sucesso! Abraço

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Olá Vida Sagaz, obrigado pelo comentário.

      Fico feliz que tenha gostado do artigo!

      Bem legal saber que gosta do 4-4-2 no futebol.

      É verdade, não se deve girar muito a carteira. É preciso tomar muito cuidado e pensar bastante antes de girar a carteira para não fazer coisas erradas.

      Abraço e bons investimentos

      Excluir